Blog

Skol Beats reúne oito baladas brasileiras em um só prédio durante dois finais de semana

Skol Beats reúne oito baladas brasileiras em um só prédio durante dois finais de semana

psyclub

agosto 3rd, 2017

Nenhum comentário

Já pensou que louco seria visitar diversas casas noturnas em uma só noite sem sair do lugar? Se você gostaria muito de viver uma experiência dessas, a Skol Beats Tower vai te proporcionar! A ação vai reunir oito baladas diferentes ao longo de dois finais de semana – dias 17, 18, 19, 24, 25 e 26 de agosto – em um prédio na cidade paulistana.

Na primeira semana, as casas noturnas Green Valley, do sul, e o Bar Secreto já estão confirmadas – mas ainda faltam mais dois nomes! Já no fim de semana dos dias 24, 25 e 26 de agosto, a icônica D-Edge, o Alberta #3 e mais duas outras baladas farão a noite da galera.

Os ingressos já estão sendo vendidos para todas as datas e o preço vai de R$60 (para apenas uma noite) a R$320 (pacote completo).

Bar Secreto, D-Edge e Green Valley são algumas das casas noturnas já confirmadas.

Bar Secreto 

A casa moderna da região de Pinheiros é frequentada pelo público descolado e de mente aberta. Sofás, lustres antigos e velas fazem parte da decoração dos dois andares do Secreto. A pista é agitada ao som de diversos estilos musicais, entre eles, eletrônico, hip hop e funk.

D-Edge 

Impossível falar da noite paulistana e não citar o consagrado clube D-Edge, uma das casas mais conhecidas pelos baladeiros da cidade. Além da experiência visual ser memorável, já que a decoração é completamente feita de luzes, o som aposta no estilo underground para surpreender o público.

Green Valley  

O clube já foi reconhecido como a melhor casa noturna de música eletrônica e é point há anos na cidade de Camboriú. DJs internacionais, como Carl Cox, já passaram por lá e as festas reúnem o melhor do deep house, progressive, tech e outras vertentes do eletrônico.

Alberta #3 

A balada celebra clássicos e hits do indie e rock em suas noites badaladas. O clube já foi frequentado por ídolos do público, entre eles, Alex Turner, da banda Arctic Monkeys. Pequeno, mas sempre lotado, o Alberta investe em um clima intimista e com pouca luz para agradar aqueles que por ali passam.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *